-------------------------------Todos os comentários serão moderados pelos administradores do blog, a fim de se evitarem comentários sem conteúdo pertinente de discussão------------------------------------

sexta-feira, 28 de julho de 2017

2017/2018

Após um longo interregno, regresso com uma análise àquilo que será o plantel Sporting para a época que agora inicia. Será ainda uma visão parcial (a um mês do fecho do mercado), mas creio que já é possível vislumbrar o conjunto de jogadores que JJ terá à sua disposição.


BALIZA

RUI PATRÍCIO - Titular indiscutível, continuará de pedra e cal no Sporting. A não ser que o mercado nos pregue uma partida terrível.

? - Com a  provável saída de Beto (que lamento imenso), o Sporting terá de procurar uma alternativa competente a São Patrício. O sueco Andreas Linde poderá ser essa alternativa, mas sinceramente preferiria Beto.

PEDRO SILVA/STOJKOVIC - Qualquer um deles ocupará, com competência, o terceiro lugar na hierarquia, acumulando, se possível, a titularidade dos BB.

LATERAL ESQUERDA

FÁBIO COENTRÃO - Se as lesões o permitirem, será dono e senhor da posição. Espero que os sportinguistas compreendam que precisa de ser acarinhado. Correndo bem, podemos ter aqui um senhor jogador para vários anos!

JONATHAN SILVA - Recebi com muito agrado a renovação deste jovem argentino. Terá condições para evoluir na sombra de Coentrão e estou certo que JJ saberá extrair o potencial que efetivamente existe.

LATERAL DIREITA

CRISTIANO PICCINI - Apesar de ainda não ter deslumbrado, acho que temos aqui um senhor lateral. Apresenta um pulmão impressionante e tem passada larga. Acredito muito neste jogador.

? - A saída anunciada de Schelotto abre uma vaga no plantel. O francês Foulquier tem sido anunciado como alvo, mas, sinceramente, não lhe reconheço vantagem sobre o italo-argentino. Gostaria que Riquicho (veremos como saiu da gravíssima lesão) e Bruno Paz fossem seguidos com atenção...

ZAGA

COATES - Titular indiscutível, conto com a sobriedade do central uruguaio para liderar a defesa.

MATHIEU - Outro forte candidato ao onze. Os seus números não enganam, jogo muito por onde passou (mesmo em Barcelona) e, caso esteja bem fisicamente, poderá constituir um caso sério. O único senão é parecer compor, com Coates, um centro algo pesado; embora o posicionamento seja fulcral neste lugar...

ANDRÉ PINTO - É um jogador que sempre me agradou no Braga. Vem sem grandes custos associados e traz experiência de Primeira Liga. Penso que é uma alternativa competente para colmatar eventuais ausências.

TOBIAS FIGUEIREDO/? - Era um dos grandes talentos da Academia e tenho pena ainda não ter chegado a um patamar de maturidade que evitasse os desmandos em que cai frequentemente. Não acredito que permaneça no plantel e acho que o Sporting poderá ir ao mercado, assim que despache Douglas. Acredito que Demiral também poderá ter uma palavra a dizer com o decurso da época.

MIOLO

WILLIAM CARVALHO - Sempre candidato à saída, temo que é desta que o perderemos. Mas, até lá, será a referência do meio-campo, esperando que assuma, de uma vez por todas, o extraordinário jogador que efetivamente é.

BATTAGLIA - Torci o nariz a esta compra. Afinal de contas, nem começou no Braga e uma temporada bem conseguida não representa suficiente crédito para assumir lugar no Sporting. No entanto, sem deslumbrar, vai apresentando predicados que poderão ser úteis ao clube. Contudo, saindo WC, o Sporting irá forçosamente ao mercado, estou certo...

JOÃO PALHINHA - É bom rapaz e até tem jeito, tenho dúvidas que evolua para ser referência no Sporting. Acredito que possa vir a ser emprestado.

"8"

ADRIEN - Dono do lugar, mas outro que "arrisca" a saída. Aliás, penso que o capitão seria o jogador a sacrificar ao mercado, dada a sua idade e todo o imbróglio em que se envolveu no ano passado.

BRUNO FERNANDES - A terceira razão que aconselha, e de que maneira, a saída de Adrien é este jovem internacional português. Senhores, como mexe com o jogo! Não tem o nervo nem a intensidade de Adrien, mas Bruno Fernandes é um perigo no último terço do terreno. Com BF, o meio campo leonino ganha uma dimensão extraordinária e, no final da época, estaremos a dar por muitíssimo bem gastos os milhões dispendidos na sua vinda.

EXTREMA ESQUERDA

ACUÑA - O que disse para Bruno Fernandes serve perfeitamente para este argentino. Irá trazer equilíbrio ao ataque leonino (o flanco esquerdo foi virtualmente inexistente no ano passado) e uma intensidade que colocará imensas dificuldades aos adversários.

BRUNO CÉSAR - O bombeiro do plantel. De lateral a extremo, o brasileiro é "pau para todo o serviço" em toda a canhota. Essa versatilidade poderá ser-lhe adversa, sobretudo, e como esperamos, os titulares correspondam em pleno.


EXTREMA DIREITA

GELSON MARTINS - A estrela da companhia poderá fazer uma temporada que impeça de todo a sua continuidade em Alvalade. Este menino tem magia na ponta da bota e não tardará em rebentar o record de vendas em Portugal.


IURI MEDEIROS - À sombra de Gelson terá o espaço para fazer as diabruras de que tanto gosta, acredito que será a sua época de afirmação como jogador do plantel principal.


FRENTE DO ATAQUE

BAS DOST - Artilheiro-mor da pretérita temporada, tem tudo para repetir a dose e massacrar, uma vez mais, as defesas da liga portuguesa. Mais entrosado com a dinâmica da equipa, acredito que a sua prestação pode ainda melhorar mais.

ALAN RUIZ - Até ao joelho ceder, começava a amortizar o elevado investimento feito pelo clube. Este ano terá maior, e melhor, concorrência, mas creio que parte na "pole position" para fazer companhia ao holandês voador.

PODENCE - Já muito se falou sobre este pequeno grande jogador. Ganhou, à custa de muita determinação, um lugar no plantel. JJ aprecia as suas qualidades e "acardita" nele. Resta esperar que o jovem leão devolva em golos todo este capital grangeado...

DOUBIA - De má memória para as hostes leoninas, esperamos todos que repita o ritmo diabólico que apresentou na Rússia e na Suiça. Acredito que necessitará de algum momento de adaptação, mas poderá a vir a ser essencial numa época que se deseja longa e disputada.

GELSON DALA - O joker da companhia. Em pouco mais de seis meses, fez miséria na segunda liga e fez por merecer a integração precoce no plantel principal. Irá a jogo num momento em que a titularidade é algo mais que uma miragem para vários jogadores. Quem sabe se não teremos aqui a solução?


P.S. Esqueci-me do filho do Bebeto. Acho que isso resume bem aquilo que espero da sua prestação para a primeira fase da temporada (antes do empréstimo que considero mais que certo...).

EM SUMA, ACREDITO QUE TEMOS UM PLANTEL MAIS EQUILIBRADO DO QUE O DO ANO ANTERIOR. RESTA SABER SE OS NOVOS JOGADORES IRÃO RENDER O ESPERADO. AINDA VIRÃO, PELO MENOS, MAIS TRÊS JOGADORES (GR, DD E DC), ISTO CONSIDERANDO QUE NÃO TEREMOS SAÍDAS IMPORTANTES...